Rio de Janeiro – Fabiana num casamento blindado

 
Do pátio e das janelas da casa onde fiquei alojada no Rio de Janeiro via-se o Corcovado. Por isso era possível avaliar, logo pela manhã, se o dia estaria bom para visitar o Cristo Redentor. Sempre que a estátua amanhecia envolta em nuvens, a subida ficava adiada para o dia seguinte. Chegar lá acima e não desfrutar de uma das mais belas vistas do mundo seria lamentável. Na manhã em que fiz esta fotografia, o céu estava de novo coberto por nuvens densas o que me levou a optar pela visita ao Real Gabinete Português de Leitura. O Cristo teria de esperar. Ao entrar no autocarro que me levaria até ao centro do Rio de Janeiro, fui sentar-me ao lado da Fabiana que lia “Casamento Blindado – O Seu Casamento à Prova de Divórcio“, um livro onde o casal de autores, Renato e Cristiane, defende que é possível ter um relacionamente feliz e duradouro. “Há mais de um ano que queria comprar esse livro, que toda a gente diz que é muito bom”, contou-me. “No domingo passado consegui comprá-lo na igreja que frequento. Comecei a ler agora, mas só pela introdução já vi que é uma boa ferramenta para ajudar no casamento”. Questionada sobre os seus hábitos de leitura, esta carioca admitiu que não lê com muita frequência, com excepção da Bíblia, o seu livro de eleição, e de outros livros da igreja, nomeadamente um pequeno volume que trazia consigo na bolsa e cujo aspecto denunciava o muito uso: “O Poder da Mulher Que Ora“. “Leio e releio. Tem sido uma armadura para a minha vida. Gosto de ter ele sempre comigo. Não comprei quando tinha problemas. Comprei para não ter problemas”, esclareceu. Como sempre faço, agradeci-lhe imenso ter-me permitido que a fotografasse, despedi-me, arrumei a câmara e o bloco de notas. Foi então que o céu abriu de repente e da janela à minha esquerda vi aparecer o Cristo em todo o seu esplendor. Parecia que as nuvens iam dar tréguas por umas boas horas. Num impulso, saltei do autocarro e apanhei um outro para o Cosme Velho, lugar de onde sai o bondinho que todo o santo dia leva milhares de turistas ao topo do Corcovado e ao encontro do Redentor. Afinal, o Real Gabinete Português de Leitura é que teve de esperar.
Mais fotos desta leitora aqui

Advertisements

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s