Carla & Nietzsche

 

Num dos socalcos do jardim do Palácio de Cristal de onde se tem uma vista magnífica sobre o Douro, encontrei a Carla, uma jovem universitária brasileira que veio estudar para o Porto. Lia “Assim Falou Zaratustra“, de Friedrich Nietzsche, para fazer uma pausa no estudo de álgebra linear. Disse-me a Carla que o estudo a obriga a ficar muito presa aos livros de matemática e que por vezes precisa de um escape, nem que seja apenas por meia hora. É nessas ocasiões que procura textos filosóficos, que aprecia especialmente e que lhe permitem abrir a mente.

Advertisements

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s